Movimento Unificado faz primeiro encontro com novo secretário da Segurança Pública

Na manhã deste dia 22 de junho, as entidades de classes que compõe o MOVIMENTO UNIFICADO S.O.S. SEGURANÇA PÚBLICA, estiveram reunidas com o novo Secretário da Segurança Pública, Mágino Alves Barbosa Filho, em cumprimento a agenda pré-estabelecida do movimento reivindicatório estabelecida desde o mês de março pelos líderes classistas que representam as diversas carreiras da Polícia Civil e Polícia Técnico Científica do Estado.

O porta-voz do Movimento e presidente do Sindicato dos Delegados de Polícia, George Melão fez a entrega do ofício contendo a pauta reivindicatória única das entidades e fez uma rápida explanação sobre os objetivos pleiteados. Por sua vez o Secretário Mágino Barbosa Filho enfatizou a sua posição a frente da Secretaria de Segurança como uma missão de muito prazer, apesar de extremamente árdua:

– “Desde que assumi há aproximadamente um ano e meio, primeiro como adjunto e hoje como secretário titular, deixei de lado a paixão pela minha profissão de Promotor de Justiça e hoje penso como policial, buscando e respeitando as peculiaridades de cada carreira tanto da Polícia Civil como da Polícia Técnico Científica. Me sinto um de vocês, mas não posso ser hipócrita diante da difícil realidade que todos estamos vivenciando com a absurda queda de arrecadação do Estado, em decorrência da crise nacional e que reflete diretamente na impossibilidade de atendimento das justas reivindicações aqui apresentadas. Entretanto, tenham absoluta certeza de que os três itens reivindicados são prioridade número um do Governador Alckmin assim que vencida em Brasília a batalha de renegociação da dívida do Estado de São Paulo com a Federação”, enfatizou o secretário, anunciando também a retomada dos estudos que tratam da restruturação das carreiras que compõem a Polícia Civil e Polícia Técnico Científica e que segundo ele deverá ter a participação de todas as entidades classistas já inscritas.

O encontro que durou quase duas horas contou com o apoio da FEDERAÇÃO DOS SINDICATOS DOS SERVIDORES PÚBLICOS NO ESTADO DE SÃO PAULO, representada pelos seus diretores Mauro de Campos e Isaias Celestino, bem como a participação do deputado estadual, delegado Olim, o qual apresentou a grave situação enfrentada pelos policiais civis de todo o Estado de São Paulo, em virtude dos baixos salários e da falta de servidores de todas as carreiras nas delegacias e departamentos. O deputado que também preside a Comissão de Segurança Pública da Assembleia Legislativa, já marcou um encontro dos líderes do Movimento com todos os integrantes da Comissão de Segurança Pública no próximo dia 29 de junho, às 14:00 horas na Assembleia Legislativa do Estado, ocasião em que deverá ser marcado uma data para realização de Audiência Pública, ocasião em que as liderança classistas esperam contar com a maciça participação de todos os policias do Estado naquela Casa de Leis.

FacebookTwitterGoogle+WhatsAppCompartilhar